Adolescente de 18 anos cria um super capacitor que recarregue celular em 30 segundos

Eesha Khare (18 anos) ganhou um importante prêmio de ciência que irá ajudar a financiar sua educação universitária na Universidade de Harvard.

Khare viajou de sua casa na Califórnia para Phoenix na semana passada pela Intel International Science e Engineering Fair, onde sua invenção foi homenageada como uma das vencedoras do Prêmio Jovem Cientista.

A invenção  de Khare, é um dispositivo supercapacitor preto, retangular, de pouco mais de um centímetro de comprimento, e pode carregar uma bateria de telefone celular em 20 a 30 segundos.

Falando para CNN Kare disse.”Eu desenvolvi um novo supercapacitor, que é basicamente um dispositivo de armazenamento de energia que pode armazenar uma grande quantidade de energia em uma pequena quantidade de volume”. A tecnologia também pode ser capaz de acelerar o carregamento de baterias de automóveis, disse ela.

Um vídeo da cerimônia de premiação (50.000 dólares ) mostrou Khare em êxtase, trotando ao palco quando seu nome foi anunciado.

O outro vencedor do Prêmio Jovem Cientista com Khare foi Henry Lin de Shreveport, Louisiana, que recebeu um prêmio de US $ 50.000 para “simular milhares de aglomerados de galáxias” para permitir que os cientistas “entendam melhor os mistérios da astrofísica: a matéria escura, energia escura e o equilíbrio do aquecimento e arrefecimento em objetos de maior massa do universo “, a declaração Intel disse.

O primeiro prêmio na feira foi para Ionut Budisteanu da Roménia, (19 anos)  que usou “inteligência artificial para criar um modelo viável de carro de auto-condução de baixo custo “,  de acordo com um comunicado da Intel. Ele recebeu o Prêmio Gordon E. Moore, em homenagem ao co-fundador da Intel, que inclui um prêmio de US $ 75.000.

Mais de 1.500 jovens cientistas de todo o mundo foram escolhidos para competir na feira da semana passada.

Deixar uma Resposta

Você precisa estar logado para postar um comentário.